Categoria: tudo sobre cabelo

Protetor térmico

Muitas pessoas não dão a verdadeira importância ao protetor térmico. Vou escrever aqui um pouco sobre os benefícios ao seu cabelo em investir em um bom protetor térmico:
protetor-termico-bom-barato-cabelo-67181
O protetor térmico forma uma película de proteção no cabelo contra a agressão do calor da chapinha e secador, mas também funciona como protetor contra o sol. Impede que o cabelo busque umidade do ar evitando que aconteça o frizz e ajuda na hidratação do cabelo e a mante-lo muito mais brilhoso.
O ph do protetor térmico está entre 4 a 4,5 ajuda a fechar a cutícula e manter a hidratação por mais tempo.
É um produto indispensável para manter a saúde dos fios, quem utiliza com frequência secador e chapinha tem que tomar precauções para não ressecar e quebrar o fio o uso do protetor é fundamental para isso.
Além da proteção contra o calor , alguns protetores em sua composição possuem óleos e vitaminas. Isso potencializa uma hidratação ou umectação e aumenta o brilho e sedosidade dos fios, fora o cheirinho irresistível que muitos deles tem.

Espero que tenham gostado ! Beijos.
(Imagem retirada do google)

Anúncios

Como combater o ressecamento dos fio

Algumas pequenas ações pode ajudar a combater o ressecamento dos fios.
shutterstock_120095254_reduzida
1- Shampoo
Intercalar 2 tipos de shampoo a cada lavagem, sendo um para cabelos oleosos que normalmente são transparentes e tem uma lavagem mais profunda, e um shampoo cremoso ou leitoso para hidratar os fios. E uma vez ao mês lavar seu cabelo com um shampoo anti-resíduos para eliminar todas as impurezas e resíduos de produtos.
Shampoo-Leitoso Shampoo-Transparente2
2- Proteção antes do banho
Antes de lavar o cabelo, aplique do comprimento as pontas um óleo vegetal de sua preferência ( coco, amêndoas, azeite de Olívia, etc) deixe por 10 minutos e pode tomar banho normalmente. Fazendo isso você formará uma proteção do comprimento e pontas na hora de lavar. O shampoo pode ressecar os fios ao retirar toda a oleosidade, o couro cabeludo produz uma oleosidade natural que costuma levar mais tempo para chegar nas pontas. Assim você faz com que seja preservado a oleosidade necessária para que não ocorra o ressecamento do comprimento as pontas. Pode ser feito antes de toda a lavagem.
5093
3- Utilizar a máscara no lugar do condicionador
Essa técnica é conhecida, mas vale a pena ser citada. Ao usar a máscara hidratante no lugar do condicionador você hidrata rapidamente o fio ajudando a combater o ressecamento. É uma ótima opção para quem não teve tempo de fazer uma hidratação mais potente. Mas essa técnica não pode ser utilizada sempre pois o efeito de uma hidratação rápida no banho não é tão boa da mesma forma que uma hidratação com pausa necessária e nem repõem totalmente os nutrientes compostos para o fio.
Dica: Se a máscara tem um ph baixo entre 4 e 4,5 não é necessário a utilização de condicionador.
mascara-caseira-hidratacao-em-casa-receita-para-cabelo

4- Evite secador e chapinha
O uso frequente de babyliss e chapinhas retira muita umidade dos fios deixado-os ressecados e cheio de pontas duplas. Mesmo que se utilize protetor térmico, com o uso excessivo o cabelo não resiste. Use apenas quando necessário.
PEGUE-LEVE-NA-CHAPINHA-E-NO-SECADOR-NO-VERÃO-Titulo-2
5- Finalizadores com composição hidratantes
Utilize produtos finalizadores que tenha em sua composição óleos, vitaminas , aminoácidos , queratina. Isso ajuda a mante-los sempre hidratados.
serum-cabelo-finalizador-01
6- Cronograma capilar
Existe um tratamento capilar que consiste em três etapas : hidratação, nutrição e reconstrução. Amantes de cabelo como eu, que sonha com um cabelo bem tratado e perfeito, tem que aderir em sua vida esse tratamento. Ele melhor do que tudo ajuda a se livrar de uma vez por todas do ressecamento.
( Farei um post mais explicativo sobre esse assunto )
Antes e Depois

Espero ter ajudado! Beijos .
( Imagens retiradas do google )

Como controlar a oleosidade dos fios

Quem tem o cabelo muito oleoso significa que a glândula sebácea que é a produtora do óleo do nosso corpo produz muito óleo, e isso não tem como mudar, ela sempre produzirá muito óleo.
Porém existem técnicas que conseguem enganar o organismo fazendo com que a glândula sebácea produza menos sebo.

1- Intercalar shampoo
Ao intercalar um shampoo para cabelos oleosos e um shampoo hidratante você consegue enganar o organismo e ele produzirá menos sebo. Isso ocorre pois quando se retira em excesso a oleosidade do cabelo com o uso de shampoo específico para cabelo oleosos que são os shampoo transparentes ou anti resíduo, o organismo produz o sebo para recuperar o que foi perdido e acaba que produz as vezes até mais do que estava antes de ser lavado, mas ao lavar o cabelo com um shampoo hidratante você não retira toda a oleosidade e o organismo não vê a necessidade de repor, fazendo com que não se produza ou se produza pouco. Com isso você consegue ficar até 2 dias sem lavar o cabelo sem problema algum.
hqdefault
Shampoo cremoso ou hidratante

Hand and shampoo

Shampoo transparente ou anti resíduo

2- Etapa 2 do cronograma capilar umectação/nutrição
Fazer tratamento da raiz as pontas com óleo vegetal ajuda a reduzir a oleosidade dos fios. Esse processo pode ser feito 1 vez na semana ou a cada 15 dias, os óleos mais indicados para esse tratamento são : coco, alecrim, semente de uva, rícino e semente de maracujá. Isso ocorre pois ao repormos com a umectação óleo aos fios e raiz o nosso organismo não vê necessidade de repor o sebo.
cats

3- Secador quente próximo da raiz
O calor do secador estimula as glândulas sebáceas a produzirem mais sebo, o calor do sol quando muito quente também estimula. O certo seria deixar o secador com temperatura mediana e sempre mantendo-o longe da raiz. Isso ajudará a manter o cabelo depois de escovado mais tempo sequinho livre de oleosidade.
mulher-secando-o-cabelo-corretamente

4- Detox com argila

É um tratamento que ajuda a controlar a oleosidade capilar, desobstrui os poros, reduz caspa e controla a queda. Pode ser feita uma vez no mês.
Argiloterapia-capilar

Espero te ajudado! Beijos .
( Imagens retiradas do google )

Lavar o cabelo todo dia pode ou não pode?

Tudo depende das condições capilares de cada um.
images
Caso seus cabelos sejam oleosos ou se faz uso de acessórios ou produtos sem enxágue, deve tomar cuidado! O uso desse tipo de produtos pode pesar os fios e deixa-los muito oleosos. Excesso de produto pode causar diversas doenças como seborreia , queda e aumento da oleosidade no couro. Então é necessário que se lave 4 vezes na semana nesse caso ( um dia sim um dia não ).
Cabelos com oleosidade excessiva ou doenças como seborreia ou caspa não se deve lavar o cabelo todos os dias pois estimula a produção de oleosidade, podendo piorar a doença e favorecer a queda dos cabelos.
Se no dia a dia praticar esporte, utilizar capacete ou redinhas de cabelo para o trabalho, boné entre outros, é necessário que se lave o cabelo pois o odor, suor, oleosidade é algo incomodo e também deixar resíduos de produtos ou oleosidade excessiva acumuladas no couro cabeludo pode causar doenças.
Quem tem cabelo seco, ressecado ou problemas com queda deve evitar lavar todos os dia, pois o hidratante natural dos fios é a oleosidade  que ao lavar se perde, pode acabar ressecando ainda mais os fios.
Caso seu cabelo seja super hidratado, não poroso sem oleosidade excessiva não tem problema lava-los todos os dias. O aconselhável é lavar um dia sim um dia de pausa.
Então pode-se lavar o cabelo todos os dias ?
A resposta é DEPENDE, cada cabelo é um caso como citado a cima tem várias exceções de quem é indicado ou não a lavar o cabelo todos os dias.
Espero ter ajudado! Beijos.
( Imagem retirada do google )

Porque no meu cabelo não pega hidratação?

Existem muitas dúvidas do porque em alguns casos as hidratações não funcionam, e eu sei algumas das causas que pode levar a solução desse problema tão comum.
cronograma-capilar-qual-etapa-meu-cabelo-esta-precisando
1- Um desses problemas é quando o cabelo está POROSO : Quando  o seu cabelo está poroso, elástico ou emborrachado significa que as cutículas dos fios estão abertas e não importa o que coloque nos fios não permanecerá nele, ao lavar todas as vitaminas e nutrientes sairá. A solução para esse problema é fazer uma reconstrução, pois a reconstrução devolverá vitaminas e força aos fios selando as cutículas. Após 2 ou 3 reconstruções o cabelo estará pronto para receber e conservar por mais tempo as hidratações.cabelo

2- Um outro problema muito comum é o uso de shampoo errado! Ao comprar o seu shampoo verifique a carga de sulfato na composição, e vai testando qual a quantidade necessária para o seu tipo de cabelo não ressecar. Quanto mais sulfato mais ressecado o cabelo pode ficar, fazendo com que o cabelo necessite cada vez mais de hidratações e nunca ser o suficiente, dando a sensação de não pegar. A solução é mudar o seu tipo de shampoo, escolher um com pouco menos sulfato. Caso seu cabelo seja muito seco o melhor é utilizar um shampoo sem sulfato, uma boa indicação para esse caso é o uso de shampoo infantil pois geralmente não contém sulfato na composição.

3- Outro problema que pode ser a causa da hidratação não funcionar é o número e hidratações feita. Cada tipo de cabelo pede uma determinada quantidade de hidratações semanais. As vezes uma única hidratação não e o suficiente para se obter resultados desejados. Aumente o número de hidratações na semana se puder acrescentar uma umectação durante a semana para potencializar o aspecto hidratado do fio é melhor. Assim que perceber mudança pode diminuir um pouco a quantidade de hidratações feita.

4- Uma dica que pode ajudar muito é pelo menos 1 vez ao mês lavar o cabelo com um shampoo anti resíduo para retirar todas as impurezas acumuladas no couro. Isso pode ser o que impede a hidratação de entrar pois o fio pode estar acumulado de resíduos que com uma lavagem comum não se retira completamente.

5- A escolha da máscara de hidratação também é importante, cada cabelo adere e surti efeito de formas diferentes. Saber o que o seu cabelo precisa é essencial. Tem diversas marcas no mercado, algumas delas podem “funcionar” bem para o seu cabelo e outras não. Tudo depende do que o seu cabelo precisa e aceita. E sempre lembrando de nunca colocar a mão diretamente no produto, pois acontece uma proliferação de fungos e bactéria, a máscara oxida e não faz o efeito que deveria.

Espero ter ajudado ! Beijos .
( Imagens retiradas do google )

Entenda como funciona o fio do cabelo

Antes de ser feito qualquer procedimento no cabelo, é importante entender como ele funciona para se obter os melhores resultados possíveis! Este post é uma explicação de como é formado o fio, para assim poder compreender realmente o que o cabelo necessita para ficar maravilhoso!

Os fios de cabelo são formados dentro do couro cabeludo, numa estrutura chamada folículo piloso. É na base deste folículo que encontramos bulbo capilar ( mais conhecido como “raiz do cabelo” ). Dentro do folículo o fio é constituído, tendo como principal componente para sua formação a queratina, que reune até 20 aminoácidos. É a queratina que trará força ao seu cabelo. Além do folículo e do bulbo, existem também as glândulas sebáceas, que produzem uma secreção responsável por lubrificar tanto o couro cabeludo como os fios. As glândulas sebáceas são as responsáveis por hidratar o fio.
No couro cabeludo do ser humano existem, em média, 100 mil fios de cabelo, mas isto varia de pessoa para pessoa.Cada fio possui 3 camadas: cutícula, córtex e medúla. A medula é a parte interna do fio, o córtex é a parte mediana a onde fica a melanina que é o pigmento responsável pela cor do cabelo, já a cutícula é a parte externa do fio que deve se manter fechada para que fique um fio saudável.
cuticula11

imagem retirada do google

O cabelo também possui outras substâncias como água, lipídeos, vitaminas e minerais. Com as agressões químicas ou naturais o fio perde substâncias, que hoje em dia pelas empresas de cosméticos produzindo diversos produtos, podem ser respostos. Como por exemplo as máscaras hidratantes que devolvem a água e vitaminas aos fios, as máscaras nutritívas que devolvem os lipídeos, minerais e as máscaras reconstrutoras que devolvem a queratina.
Essas agressões quimicas como chapinhas, descolorantes, tinturas, alisamentos ou naturais como sol , vento, poluiçao pode deixar com que as cutículas dos fios fiquem abertas. O problema delas ficarem abertas é que tudo o que foi posto ou mesmo o que já existia no fio sai pois ele não estava “lacrado”, deixando uma péssima aparência, frizz, ressecado, poroso, fraco e sem vida. Com as cutículas abertas não adianta, por exemplo, fazer uma hidratação, pois ela não conseguirá fixar no fio. É importante nesse caso entender um pouco sobre PH.
O PH do cabelo está entre  4,5 a 5,5 , produtos alcalinos que tem o PH alto servem para abrir as cutículas e assim fazer com que o produto aplicado entre no fio, já os produtos ácidos que são produtos com PH baixo servem para fechar as cutículas do fio conservando o produto aplicado para que ele não saia.

Espero que com esse texto algumas dúvidas sejam esclarecidas! Vou explicar em outros post quais os produtos que ajudam no fechamento das cutículas do fio e qual e como como identificar o que o cabelo necessita!
( Algumas imagens foram retiradas do google )
Beijos